Entendido

Cookies

Usamos cookies para melhorar sua experiência, marketing digital e análise de uso.

Whitepapers

38 curiosidades e mais que você deve saber sobre Super Apps, Mini Apps e Mini Programas

Índice
Introdução
Super Apps
Mini Apps
Mini Programas
Benefícios dos Super Apps
O fenômeno dos Super Apps na China e no mundo
GeneXus no mundo dos Super Apps
Outra dose de Super Apps

Introducción

Imagine visitar a China e ter os moradores olhando para você com espanto quando você tenta pagar com cartões a compra de um produto ou serviço. A razão? Na China, as transações são feitas a partir de smartphones há anos, tornando o uso de dinheiro obsoleto.
 
Esse modo de vida mostra que chineses e asiáticos em geral estão sempre um passo à frente.
 
Ao contrário do Ocidente, na China o contato inicial com a Internet veio dos smartphones, e não dos computadores.
 
No mundo digital, é conhecido como Mobile First, termo que ficou conhecido em 2011 após a publicação do livro homônimo de Luke Wroblewski (Diretor de Produtos do Google), que sustenta a teoria de que os sites devem ser criados primeiro no celular e, em seguida, ajustados para o computador.
 
E foi justamente essa tendência (Mobile First) que levou à invenção dos Super Apps na China, um aplicativo que permite que dentro dele coexistam diversos aplicativos (Mini Apps).
 
Cada um desses Mini Apps resolve um problema específico. Essas soluções podem permitir tudo, desde pagamentos de contas a pedidos de empréstimos bancários, papelada do governo, compras em comércios, pagamentos de táxis, reservas de passagens aéreas e muito mais.
 
Para ter acesso a estes serviços, o usuário só precisa baixar um Super App no ​​celular, fazer o login e entrar na forma de pagamento apenas uma vez.
 
No Ocidente, a maioria dos aplicativos atende apenas a uma necessidade específica, como pagar pelo estacionamento ou reservar uma mesa em um restaurante em um determinado local. Até agora, eles não deram o salto de abertura para permitir que outros publiquem mini-aplicativos dentro deles e, assim, expandir a gama de serviços.
 
A boa notícia é que GeneXus já está trabalhando para que novos ecossistemas digitais possam ser desenvolvidos neste lado do mundo através do uso de Super Apps.


Aqui, compartilhamos 38 curiosidades (e mais) que você precisa saber sobre esta revolução tecnológica:

Super Apps

#1
O conceito de Super App é uma tendência que começou na Ásia, mais especificamente na China, por meio de aplicativos como WeChat e Alipay, e vem ganhando força significativa, se expandindo para outros mercados.

#2
O termo foi cunhado em 2010 por Mike Lazaridis, o fundador do BlackBerry, que durante uma conferência sobre Mobile definiu Super Apps como “um sistema fechado de muitos aplicativos que as pessoas usariam todos os dias, porque eles fornecem uma experiência contínua, integrada, contextualizada e eficiente”.

#3
Um Super App é um ecossistema que possui uma variedade de serviços que aparentemente não estão relacionados entre si, mas todos coexistem dentro no mesmo aplicativo geral.

#4
Normalmente eles nascem como um aplicativo que cobre uma necessidade específica e então passam a abranger outros serviços. Cada um desses serviços é um aplicativo nativo (Mini Apps) que é carregado no Super App.

#5
O Super App também é um aplicativo nativo, mas acaba se tornando uma espécie de 'aplicativo mãe'.

#6
O processo de conversão de um aplicativo nativo em um Super App começa com a criação de um aplicativo projetado para atender a um objetivo e necessidade específicos e que possui uma alta taxa de abertura. A segunda etapa é desenvolver negócios, que podem ser internos ou externos (por meio de parcerias ou acordos com outras organizações). Isso permite integrar outros serviços além da proposta inicial. Por fim, a linha de produtos deve ser aberta e qualquer pessoa pode criar aplicativos (Mini Apps) para prestar serviços através do Super App desta forma.

#7
A implantação desses aplicativos não é diferente do que já conhecemos. Depois que o aplicativo é compilado, os serviços de back-end devem ser implantados, que são os serviços que alimentam esse aplicativo em seu próprio servidor.#8

Estes são alguns cenários que podem ser cobertos com um Super App:

Fintech ou aplicativos de pagamento

Considerando que este tipo de solução já possui uma comunidade de usuários que possuem pagamentos integrados ao aplicativo, esta informação pode ser utilizada para efetuar pagamentos por diversos serviços em diferentes negócios, de forma bastante simples. 

Aplicativos Governamentais

Poderiam ser criados diferentes Mini Apps que resolvam todos os serviços ou procedimentos que os cidadãos de um território devem fazer.

Apps para comunidades

Uma cidade, uma faculdade, uma universidade ou uma empresa também pode ter seu próprio Super App. Essa tecnologia permite o desenvolvimento de produtos de forma incremental, ou seja, pequenos aplicativos podem ser incorporados para posteriormente formar aquele grande aplicativo, e que esses serviços eles podem até ser personalizados.

#9
Uma grande vantagem sobre a web é que elimina o atrito de obtenção de identidade e pagamentos, evitando que o usuário tenha que se cadastrar nos diversos aplicativos. Um Super App resolve isso apenas uma vez.

#10
No momento de aprovar um aplicativo, eles não têm a rigidez do nativo, ou seja, os aplicativos ficarão disponíveis sem a necessidade de publicá-los em cada uma das Store.

#11
No Super App, as informações (Mini Apps) podem ser exibidas como uma lista de ícones ou de forma destacada.

Mini Apps

#12
Um Mini App é um pequeno aplicativo que resolve um problema dentro do Super App, que é o host.

#13
Mini aplicativos são aplicativos incorporados em um Super App.

#14
Mini aplicativos são carregados dinamicamente quando o usuário exige, sob demanda. Ou seja, quando um usuário baixa um Super App em seu telefone, ele não terá todos os Mini Apps instalados, mas os acessará por meio de pontos de descoberta que podem ser o menu iniciar, embutido em um artigo oficial, vinculado ao perfil do usuário, em um código QR, na barra de pesquisa, entre outros.

#15
A exposição de aplicativos também pode ser acionada dinamicamente pela localização do usuário. Exemplo: se a pessoa entrar em um shopping center, ela poderá visualizar as lojas que possuem um Mini App no ​​Super App e acessar rapidamente seus serviços.

#16
Outro mecanismo de descoberta que pode ativar Mini Apps é o tempo. Dependendo da época ou de uma semana específica, podem ser exibidos com mais destaque os Mini Apps mais relevantes naquele momento. Isso permite que você desenvolva Mini Apps que podem ser úteis por alguns dias ou por um período determinado.

#17
Seu objetivo é claro e específico. O usuário não precisa aprender do que se trata, simplesmente executando o aplicativo ele pode atingir seu objetivo de forma rápida e fácil.

#18
O dono ou administrador do Super App é quem autoriza a publicação dos Mini Apps em sua plataforma, e não o sistema operacional ou a loja de telefones.

Mini Programs

#19
Os Mini Programas são os Mini Apps que rodam nos Super Apps já consagrados como Alipay, Wechat, entre outros.

#20
Possuem características semelhantes às de qualquer Mini App. São carregados instantaneamente quando o cliente ou o usuário final solicitar, pois, como falamos antes, nem todos são instalados com o download do Super App.

#21
Eles são mais fáceis de desenvolver do que um aplicativo nativo. Na China, por exemplo, as empresas não desenvolvem um aplicativo nativo para iOS, Android ou web app. Eles desenvolvem um Mini Programa para um determinado Super App, que pode ser WeChat, Alipay ou Baidu, para citar alguns.

#22
Assim como os Mini Apps, eles não implicam em decisões de design e tamanho, uma vez que essas diretrizes são estabelecidas pelo dono do Super App.

#23
Alguns especialistas garantem que os Mini Programas possuem 80% da funcionalidade de um aplicativo nativo, mas com apenas 20% do esforço de desenvolvimento.

#24
Os Mini Programas também são altamente integrados ao ecossistema do Super App. Eles compartilham o mesmo login.

#25
Como os Mini Apps, os Mini Programas são visíveis por meio de pontos de descobrimentos.

Benefícios dos Super Apps

#26

Menos atrito

O usuário final não precisa baixar cada um dos aplicativos, mas pode acessar instantaneamente os serviços de forma contextualizada.

#27

Mais segurança

Tudo o que tem a ver com a identidade do usuário e o cadastro dos meios de pagamento é feito apenas uma vez no Super App. Os Mini Apps poderão utilizar estes serviços, mas não será necessário registrá-los novamente e dar aquela informação que é confidencial.

#28

Entrega de valor

Os donos do Super App podem oferecer mais e melhores serviços por meio de parceiros, possibilitando o desenvolvimento incremental de suas soluções. 

#29

Posicionamento

Os donos de Mini Apps têm a possibilidade de colocar seus aplicativos em um ecossistema já estabelecido; em vez de publicá-los em lojas diferentes e competir com centenas ou dezenas de outros aplicativos que oferecem serviços semelhantes.

#30

Simplificação do desenvolvimento

Tudo o que está relacionado com a identidade do usuário e com os pagamentos vem do Super App, portanto não precisa ser programado. Esse é um aspecto fundamental, pois são questões complexas de se resolver e não necessariamente o cerne do negócio. 

#31

Agilidade

O processo de lançamento de Mini Apps em um Super App é muito rápido.

#32

Conhecimento do mercado

Os Mini Apps podem ser direcionados a um público específico, apresentando-lhes a oferta certa, no momento certo.

#33

Redução de custos

Muitas das regras ou boas práticas de design são fornecidas pelo Super App. Isso torna o processo de desenvolvimento mais simplificado e integrado. Os custos de conhecer o cliente também diminuem porque essa informação é obtida através dos perfis subscritos no Super App.

O fenômeno dos Super Apps na China e no mundo

#34

WeChat

  • No universo das redes sociais, o WeChat se posiciona como o sexto aplicativo mais utilizado no mundo, com 1,2 bilhão de usuários ativos ao final de 2020
  • WeChat em mandarim significa “micro mensagem”. Ele nasceu em 2011 como um aplicativo de mensagens. A Tencent, que é o conglomerado de tecnologia por trás do WeChat, pegou o primeiro aplicativo de mensagens e o tornou o primeiro Super App. Atualmente, ele contém mais de um milhão de Mini Programas, oferecendo serviços em mais de 200 categorias
  • Seu sistema de pagamento móvel, WeChat Pay, é uma carteira digital que permite o envio e recebimento de dinheiro na China e em 25 outros países
#35

Alipay

  • É do grupo Alibaba. É um super app que serve como meio de pagamento para gigantes do e-commerce como Tao Bao e TMall
  • Em 2013, ele igualou o PayPal como a maior plataforma de pagamento móvel do mundo
  • Mais de 300 mercados internacionais usam Alipay para vender diretamente na China, por meio de 18 moedas estrangeiras
#36

Grab

  • Começou como uma empresa de transporte compartilhado, ajudando os motoristas a ganhar a vida, e depois passou de vendedores ambulantes a marcas internacionais. Atualmente, eles têm mais de 70 milhões de pequenas e médias empresas (PMEs), empregando mais de 140 milhões de pessoas e representando 99% de todas as empresas da região. “Os empreendedores do dia a dia são a base de nossa economia e a razão pela qual a Grab expandiu seus serviços para se tornar o superaplicativo de milhões de empreendedores”, confessam seus criadores, Anthony Tan e Hooi Ling Tan.
  • Grab inclui entregas, mobilidade, serviços financeiros, negócios e outros, conectando consumidores de todas as esferas da vida com empreendedores comuns, em 428 cidades e 8 países
  • Em 30 de setembro de 2021, a liquidez de caixa de Grab era de cerca de US $ 5,2 bilhões
#37

Gojek

  • Na Indonésia, encontramos a Gojek, que nasceu como uma empresa de compartilhamento de viagens e depois evoluiu para a categoria de de Super App
  • É o principal concorrente da Grab no mercado asiático e representa 2% do Produto Interno Bruto da Indonésia. É o primeiro unicórnio daquele país
  • Em 2020, lançaram a GoStore, uma solução que ajuda micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) a estabelecer lojas online com facilidade
#38

Paytm

  • Paytm é uma startup na Índia que já conta com 350 milhões de usuários cadastrados, que utilizam sua plataforma como meio de pagamento para diversas transações e também é, por si só, um banco digital.
  • Por meio desse aplicativo, você também pode comprar passagens de trem, reservar passagens aéreas e pagar em sua subsidiária de e-commerce, que é o Paytm Mall.

GeneXus no mundo dos Super Apps

Para que um Super App funcione, você precisa de um componente que permita o carregamento dinâmico de outros aplicativos.

Utilizamos este tipo de componente em GeneXus há mais de 10 anos, quando lançamos geradores para Smart Devices que permitem que as aplicações sejam carregadas dinamicamente, interpretadas e tenham comportamento nativo.


O que significa isto? Que GeneXus tem o poder tecnológico para criar esta nova geração de aplicações. Na verdade, somos a primeira plataforma Low-Code que permite gerar Super Apps e Mini Apps. O melhor? você pode fazer isso de maneira simples, sem aprender nada de novo.
 
Com GeneXus você também pode transformar uma aplicação nativa que não foi desenvolvida com nossa plataforma em um Super App, obtendo todas as vantagens que isso acarreta: carregamento dinâmico de aplicações, integração com parceiros, desenvolvimento incremental e muito mais.


Para a modelagem deste tipo de aplicações temos 3 componentes:
  • Desenvolvimento do Super App
  • Desenvolvimento do Mini App
  • Servidor de provisionamento, onde todos os Mini Apps serão catalogados.
 
Para facilitar o desenvolvimento de Mini Apps, oferecemos componentes de Design Systems, Stencils e User Controles.
 
Ao nível do desenvolvimento, o usuário GeneXus não tem que aprender nada de novo. Desenvolver um Super App é como desenvolver um aplicativo nativo. Só se acrescenta um componente que nos permitirá conectar ao Provisioning Server, criado por GeneXus para obter os Mini Apps desde o Super App (este último terá uma API onde serão expostos os diferentes serviços que os Mini Apps proporcionarão).
 
O desenvolvimento dos Mini Apps também é igual ao de qualquer outra aplicação nativa com GeneXus. É um aplicativo online. A única coisa que deve ser importada é o módulo Super App que contém os serviços com os quais ele poderia interagir a partir do Mini App. Depois que o aplicativo é gerado, os serviços que alimentam esse aplicativo também devem ser implantados. Estando online, você certamente terá aquela camada de serviços que também pode estar em seu próprio servidor. E a diferença aqui é que a aplicação não precisa ser compilada, mas esse metadado, o produto gerado por GeneXus, é o que vai ser catalogado no Servidor de Provisioning.
 
Quando o aplicativo é publicado no Servidor de Provisioning, os donos do Super App são notificados para que possam revisar e aprovar o Mini App.

O que está vindo

Sem dúvida, nossa tecnologia e a experiência no desenvolvimento de geradores móveis nos posiciona na vanguarda dos requisitos técnicos necessários para criar ecossistemas em torno de um Super App, e esta é uma porta que abre grandes oportunidades para a comunidade GeneXus mundial.

No âmbito da multi-experiência, em GeneXus trabalhamos em três frentes:
  1. Gerador de Mini Apps para Super Apps GeneXus.
  2. Gerador de Mini Programas para o Super App WeChat
  3. Solução para convertir qualquer app nativo (não necesariamente desenvolvido com GeneXus) em um Super App
O primeiro gerador Low-Code de Mini Programas para WeChat

Este canal permitirá que nossos clientes na China e em qualquer país do mundo criem e publiquem Mini Programas para WeChat.

Do ponto de vista técnico, este gerador é um híbrido entre Web e Mobile. Por um lado, se assemelha ao que é o desenvolvimento de Front-End, com tecnologias como Angular, Vue, React, mas a equipe do WeChat estendeu isso, criando assim uma nova linguagem.

O lançamento será feito no canal beta, para que qualquer pessoa possa usar e prototipar nesta plataforma. À medida que este gerador avança, prevemos também atacar outros Super Apps, agregando propriedades e gerando novos projetos, simplificando processos e reaproveitando todo nosso conhecimento dentro desses sistemas.

Aqui de GeneXus convidamos você a compartilhar conosco suas ideias sobre Super Apps e Mini Apps para que possamos colaborar nesta nova realidade.

Outra dose de Super Apps

Para expandir essas informações, compartilhamos os seguintes conteúdos: